Qual a melhor moeda para levar ao Peru e aproveitar a diversidade do país?

Câmbio de Moedas Dólar Câmbio Turismo Turismo Viagens e Turismo

Planejar a compra de dólar ou soles é importante para que sua viagem seja tão proveitosa quanto econômica

O Peru reserva uma cultura e particularidades ímpares. São lugares mágicos e que valem a pena ser explorados. Se esse país está na sua lista de desejos de viagens, prepare-se, pois, atrações não vão faltar.

Encantos de Machu Picchu

Um dos destinos mais procurados e que não podem ficar de fora do percurso é Machu Picchu, conhecido como um dos sítios arqueológicos mais importantes do mundo. Também chamado de cidade perdida dos Incas, está no topo de uma montanha, a 2400 metro de altitude, no vale do rio Urubamba.

O passeio pode representar uma grande aventura, para quem gosta de caminhadas. Seguindo pela Trilha Inca ou a Trilha de Salkantay, é possível acessar Machu Picchu pelo alto das montanhas, em tours que podem levar de 4 a 5 dias.

viajar para o peru

Mas, se você é daqueles que prefere um passeio mais tranquilo, basta chegar à cidade-base de Aguas Calientes de trem e subir ao parque de ônibus. Para conhecer todo o local, o turista levará em torno de 3 a 5 horas. Mas seja qual o tempo e esforço necessários, pode estar certo que a vista é gratificante.

Conheça o Vale Sagrado

Às margens do rio Urubamba há o famoso Vale Sagrado, onde se encontram várias cidades e sítios arqueológicos. Um dos melhores trajetos para aproveitar o passeio é sair de Cusco, visitar Pisac, Ollantaytambo, Chinchero e Urubamba. Em um dia inteiro você terá acesso a muita história e cultura.

Lima, a capital do Peru

Outro lugar imperdível é Lima, a capital do país. A cidade é rodeada pela história, que tem base na época da presença hispânica. O Centro Histórico, é um desses locais, com museus, conventos e prédios do governo que guardam mais de 600 monumentos.

Gastronomía mestiça

A gastronomia peruana é bastante diversificada, sofre influências da comida indígena e espanhol, italiana, africana, chinês, japonês e árabe. Os ingredientes e cores também são marcantes nos pratos típicos.

Há receitas da herança africana, como o anticucho de coração, o tacu-tacu e a carapulcra; assim como talharines verdes ou vermelhos, estilo italiano. Já o ceviche, vem da cozinha nipônica. Há muitas opções para experimentar.

Soles é a moeda local

Para aproveitar todos os passeios e delícias do país, você também precisará conhecer melhor a moeda utilizada lá, o Nuevo Sol/Novo Sol, popularmente chamado de soles.

Os soles podem ser facilmente adquiridos no Brasil, em casas de câmbio confiáveis. Porém, a maioria das pessoas opta por utilizar o dólar, que é facilmente trocado no Peru, desde que as notas estejam em bom estado de conservação, sem riscos, carimbos, rasgos ou algo parecido; caso contrário, podem ser simplesmente recusadas.

Calcule a melhor opção e defina a moeda de escolha

Uma boa prática e opção para analisar qual a melhor moeda levar ao Peru é verificar quais as perdas e ganhos sobre o valor líquido na hora da conversão. Converta Reais em Soles, depois Reais em Dólar; em seguida, converta esse Dólar (comprado em reais) em Soles. Com isso, terá a melhor opção. Verifique aqui a cotação do sole.

E se sobrarem soles ao final da viagem?

Pior do que perder dinheiro na compra de uma moeda é perder na venda. Por isso, se restarem soles ao final de sua viagem, aproveite para comprar mais algumas lembrancinhas. Geralmente, trocar a moeda no aeroporto não é nada vantajoso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *